##plugins.themes.bootstrap3.article.main##


Luiz Alexandre| Solano Rossi

Resumen

Objetivo do artigo é abordar Marcos 10,32-45 com as ferramentas teóricas da teologia bíblica e da teoria analítica do poder de Foucault. A metodologia utilizada é de ordem bibliográfica a partir do diálogo das pesquisas sobre Marcos, a sociedade mediterrânea do primeiro século e textos de Foucault sobre o poder. Percebe-se conclusivamente que ao mesmo tempo em que os discípulos de Jesus procuram reproduzir as relações de poder, Jesus propõe um contra-discurso a fim de vislumbrar o poder como solidariedade a favor da comunidade. A intervenção de Jesus introduzirá um discurso de renúncia à aspiração ao poder assim como uma opção fundamental pelo serviço e pela solidariedade. Diante de dois modelos de concepção e prática do poder veremos uma proposta de inversão dos valores que vigoravam em uma sociedade marcada visceralmente pelas ambições.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Keywords

Poder, autoridade, cristianismo, sociedade, domínio

References
Cómo citar
Solano Rossi, L. (1). Poderes e solidariedade: Foucault no colégio apostólico. Theologica Xaveriana, 63(175). Recuperado a partir de https://revistas.javeriana.edu.co/index.php/teoxaveriana/article/view/9321
Sección
Artículos
Artículos más leídos del mismo autor/a