##plugins.themes.bootstrap3.article.main##


Silvia Patricia Fernandes Coelho http://orcid.org/0000-0001-8445-5237

Cintia Pinho-Reis

Manuel Luis Vilas Capelas

Luis Sá

Resumen

Objetivo: avaliar o estado cognitivo dos pacientes com necessidades paliativas, internados numa unidade de convalescença, através da utilização do instrumento, Escala de Pfeiffer. Material e métodos: estudo descritivo, observacional e transversal, realizado em 23 pacientes internados numa unidade de convalescença, em Portugal, no período 18 de fevereiro e 5 de março de 2014. A avaliação cognitiva foi efetuada com recurso à Escala de Pfeiffer-Versão Portuguesa. A análise estatística foi realizada com metodologia descritiva e analítica. Resultados: mais de 50% dos inquiridos erraram as questões que solicitavam o número de telefone e morada (82,6%), conta de subtração (60,9%) e o nome do anterior Presidente da República (56,5%). Pacientes com alterações cognitivas têm uma mediana de 83 (66-87 anos). Conclusão: o estudo sugere que o uso da Escala de Pfeiffer constitui-se um instrumentoadequado para a avaliação do estado cognitivo, dos pacientes com necessidades paliativas.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Keywords
References
Cómo citar
Coelho, S. P., Pinho-Reis, C., Vilas Capelas, M., & Sá, L. (2018). Avaliação cognitiva de pacientes em cuidados paliativos: estudo piloto. Investigación En Enfermería: Imagen Y Desarrollo, 20(1). https://doi.org/10.11144/Javeriana.ie20-1.acpc
Sección
Artículos
Artículos más leídos del mismo autor/a