Publicado Feb 27, 2010



PLUMX
Almetrics
 
Dimensions
 

Google Scholar
 
Search GoogleScholar
Descargas


Josiane Lieberknecht Wathier Abaid

Débora Dalbosco Dell’Aglio

Sílvia Helena Koller

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Resumen

Este estudo investigou eventos de vida estressantes, variáveis psicossociais e preditores de sintomas depressivos em crianças e adolescentes institucionalizados. Participaram 127 crianças e adolescentes de 7 a 16 anos que viviam em abrigos de proteção. Foram realizadas duas aplicações longitudinais do IEEIA e do CDI. Não houve diferença significativa no escore do CDI, e na freqüência de eventos estressores, ao longo do tempo. A análise de regressão linear múltipla permitiu propor um modelo de variáveis preditoras, que, juntas, explicaram 56.7% da variação nos escores do CDI. A prevenção da ocorrência de eventos relacionados principalmente a conflitos na escola e familiares deve ser enfatizada, bem como a promoção de intervenções junto às famílias em situação de maior vulnerabilidade.

Keywords
References
Cómo citar
Lieberknecht Wathier Abaid, J., Dalbosco Dell’Aglio, D., & Koller, S. H. (2010). Preditores de sintomas depressivos em crianças e adolescentes institucionalizados. Universitas Psychologica, 9(1), 199-212. https://doi.org/10.11144/Javeriana.upsy9-1.psdc
Sección
Artículos